terça-feira, 29 de maio de 2012

VIAGEM AO... PESCOÇO (1)







No Ocidente, os homens costumam olhar o pescoço da mulher simplesmente como algo que segura a cabeça. Eles sabem que a pele do pescoçõ é sensível a carícias e que beijá-lo suavemente pode excitar a parceira durante as preliminares do sexo, mas, além disso, quase não dão atenção. Com certeza o pescoço não é considerado uma zona erógena importante.




A situação é muito diferente no Japão, onde a exposição da parte posterior do pescoço é vista como um forte estímulo sexual - equivalente a expor os seios no Ocidente. É uma ação que se espera de uma gueixa, mas que é rejeitada pelas esposas respeitáveis.




Tradicionalmente, toda gueixa era treinada na arte de expor elegantemente a nuca, e ainda hoje podemos constatar isso entre as poucas gueixas remanescentes de Quioto. Suas roupas têm uma gola alta na frente e baixa atrás, expondo a nuca e as costas. Como afirmou um comentarista, homens de todo o mundo parecem apreciar a linha ondeada da nuca feminina, nas no Japão ela mergulha nas costas.


(Hiroko Sakai - moon)


Quando aplica sua maquiagem branca (que inclui um ingrediente vital: excrementos de rouxino), a gueixa deixa uma margem de pele aprarecendo junto à linha dos cabelos. Isso enfatiza a artificialidade da maquiagem e excita o homem, porque chama a atenção para a pele sob a máscara branca. Segundo um observador, o significado erótico desse costume é aumentado pela forma especial da nuca, "um V perfeito de pele nua que lembra as partes íntimas da mulher".




Existe uma frase em japonês para descrever a beleza da linha da nuca feminina - kamata no kereagatta hito -, mas seu significado mudou. Como a maquiagem é deliberadamente aplicada de modo a imitar a forma dos genitais, a frase hoje significa "uma gueixa com adoráveis genitais".




Uma curiosa teoria tenta explicar o desvio da atenção erótica dos japoneses dos seios para a nuca. Afirma que, tradicionalmente, as crianças japonesas passam mais tempo agarradas às costas da mãe do que acarinhadas em seus seios. Essa, além do fato de que os seios das mulheres japonesas são relativamente pequenos, seira a razão para a fixação masculina na nuca.






(A mulher nua - um estudo do corpo feminino/ Desmond Morris:

 [tradução Eliana Rocha] - São Paulo, Globo, 2005)



Nenhum comentário: