sexta-feira, 3 de junho de 2011

NUDEZ: NA ILHA DO SOL, O EXEMPLO DE LUZ DE FUEGO


UMA HOMENAGEM: 

LUZ DEL FUEGO





Nasceu DORA VIVACQUA em Cachoeiro do Itapemirim, ES, em 21 de fevereiro de 1917. Passou à história como LUZ DEL FUEGO.


Adquiriu, ainda na infância, o gosto pelas serpentes, ao frequentar o serpentário do Instituto Exequiel Dias, em Belo Horizonte, para onde seu pai mudara com a família.








Em 1937, passa a viver no Rio de Janeiro, onde faz shows no teatro Follies, em Copacabana, apresentando-se com duas jiboias e dançando nua. Muda o nome para LUZ DEL FUEGO, marca de um batom argentino.


Na década de 50, dedica-se à causa naturista: funda o Partido Naturalista Brasileiro (PNB) e ganha do Ministério da Marinha a cessão de uma ilha para a criação de sua colônia de nudismo – a famosa ILHA DO SOL.




Regras da Ilha: nada de palavrões, bebidas ou sexo ao ar livre. E o principal: nada de roupas. Isso, é claro, causou escândalos e comentários de toda a imprensa, nacional e internacional, da época.


LUZ promovia bailes de carnaval em sua Ilha, que ficaram famosos, recebendo visitantes ilustres de todas as partes do mundo . Nadaram e desfilaram nuas por ali várias estrelas do cinema americano como Errol Flynn, Lana Turner, Ava Gardner, Tyrone Powel, César Romero, Glenn Ford, Brigitte Bardot e Steve MacQueen.





LUZ DEL FUEGO morreu assassinada no dia 19 de julho de 1967, vítima da vingança de Mozart Gaguinho, que ela empregara na ilha em outros tempos e demitira por desavenças. Mas o assassinato nunca ficou totalmente esclarecido.


LUZ DEL FUEGO: uma mulher muito à frente de seu tempo. Um ícone da liberdade e da luta contra a repressão sexual.

(Ilha do Sol)

Em 1982, Lucéllia Santos, dirigida por David Neves, reviveu a saga da diva do nudismo no Brasil, no filme LUZ DEL FUEGO.





(Lucélia Santos, no papel de Luz del Fuego)

Para saber sobre Luz del Fuego, visite estes sites:

http://www.territoriogoncalense.com/2009/02/localizada-no-interior-da-baia-de.html


Um comentário:

Júlio Machado disse...

Lucélia, muito gostosa nessa performance.
Parabéns pelos seus blogs;
são fantásticos!
Abraços!