terça-feira, 7 de setembro de 2010

POEMA ERÓTICO



Tempo




(Paul Deveria)







há o tempo de querer-te:
- e beijo os teus lábios;
há o tempo de foder-te:
- e ficamos mais sábios!






Nenhum comentário: