segunda-feira, 31 de agosto de 2009

MANUAL DE BOAS MANEIRAS... - CUIDADOS ESPECIAIS PARA SE FAZER DESVIRGINAR




Rubrique spéciale pour se faire dépuceler




- À partir de l’âge de huit ans, il n’est pas convenable qu’une petite fille soit encore pucelle, même si elle suce la pine depuis plusieurs années.



- Quand vous aurez huit ans accomplis, si l’on vous demande votre pucelage, il faut le donner; si on ne vous le demande pas, il faut l'offrir poliment.



- Pour vous faire dépuceler, étendez-vous au milieu du lit, ôtez votre chemise ou tout au moins relevez-la jusqu’aux aisselles, écartez les jambes et ouvrez à deux mains les lèvres du con. Si le monsieur préfère dépuceler vos petites fesses, présentez-les immédiatement : c’est à lui de choisir la voie qui lui plaît.



- Si votre dépucelage a lieu sur l’herbe, ou sur un banc de jardin, ou dans une voiture, ou sur un siège de water-closets, ou dans une cave, sur un tonneau, ou dans le grenier sur une vieille caisse, ne vous plaignez pas d’être mal couchée. On baise où l’on peut.



- Quand on vous aura dépucelée, gardez-vous bien d’aller le raconter à monsieur votre père. Cela ne se fait pas. Ne le dites même pas à votre bonne que si elle a l’habitude de vous branler tous les soirs,

au quel cas elle risquerait de découvrir elle-même la trace du loup.









Cuidados especiais para se fazer desvirginar




- Aos oito anos, não é conveniente que uma menina ainda seja virgem, mesmo que ela chupe pau há vários anos.



- Quando você tiver oito anos completos, se lhe pedirem a virgindade, é preciso dá-la; se não lhe pedirem, você deve oferecê-la polidamente.



- Para você se descabaçar, deite-se na cama, retire a camisola ou, pelo menos, levante-a até as axilas, afaste as coxas e abra com as duas mãos os lábios da boceta. Se o senhor preferir desvirginar sua bundinha, apresente-a de pronto: é a ele que cabe escolher o caminho que lhe agrade.



- Se o seu desvirginamento ocorreu num gramado, ou num banco de jardim, ou num carro, ou num assento de privada, ou num porão, debaixo de um barril, ou no sótão sob uma velha caixa, não se queixe de ter sido mal comida. Trepa-se onde se pode.



- Quando a tiverem desvirginado, abstenha-se de ir contar ao senhor seu pai. Isso não se faz. Também não o conte nem mesmo à sua empregada, exceto se ela tem o hábito de masturbá-la todas as noites, pois neste caso ela poderia descobrir por si mesma a pegada do lobo.








domingo, 30 de agosto de 2009

MANUAL DE BOAS MANEIRAS... - COM O AMANTE DE SUA MÃE




Avec l’amant de votre mère



- Quand une petite fille a deviné quel est le bon ami de sa maman, elle ne doit, sous aucun prétexte, aller le dire à son papa.



- Ne désignez jamais à l’amant de votre mère une jeune fille qui se branle pour lui, surtout si cette jeune fille, c’est vous.



- Si l’amant arrive en avance et que madame votre mère vous prie de faire attendre, faites-le bander, mais ne le sucez pas.



- Elle ne doit pas non plus, à l’heure où sa mère revient du rendez-vous, lui demander si c’était bon, combien de fois elle l’a fait, si le monsieur bandait bien, etc. Ces questions ne mériteraient que le fouet.



- Il lui est également interdit de prendre à part le bien-aimé pour lui demander : «Déchargez vous dedans ? Est-elle bien cochonne ? Suce-t-elle gentiment ? Avale-t-elle le foutre ? Se fait-elle enculer ? », etc. Ni surtout pour lui dire : « Papa a baisé maman la nuit dernière. C’est la bonne qui me l’a dit. » Cette information ne serait pas accueillie avec plaisir.



- Si vous savez que votre mère attend son amant chez elle, ne vous cachez pas sous le lit, surtout pour sortir en faisant : «Boum ! C’est moi ! » pendant qu’on jouit dans sa bouche. Vous seriez capable de la faire étrangler. Ne choisissez pas non plus cet instant pour entrer brusquement dans la chambre en criant : « Voilà papa ! » lorsque vous savez très bien que monsieur votre père est en voyage.



- Si monsieur votre père est absent pour six mois ou un an, ne vous hasardez pas, un jour d’adultère, à cacher l’injecteur de votre maman, de telle sorte qu’elle s’en aperçoive trop tard. Les plus graves conséquences pourraient s’ensuivre, et la farce ne serait pas goûtée.



- Si vous découvrez que vous êtes la fille de l’amant et non du mari, n’appelez pas ce

monsieur «papa» devant vingt-cinq personnes. C’est le mari de votre mère que vous devez appeler papa. Et même si vous êtes certaine de ne pas lui être unie par les liens du sang, ne lui dites pas à l’oreille : «Je peux bien te sucer, tu n’es pas mon père ! » La fin de la phrase détruirait tout ce que les premiers mots auraient de vraiment
aimable.


- Si une visite se présente quand votre mère fait l’amour et si l’on vous charge d’aller répondre : «Maman est souffrante», ne donnez pas de détails sur sa maladie. Si l’on vous demande : «Qu’est-ce qu’elle a? », ne répondez pas : «Une pine dans le cul. »






Com o amante de sua mãe


- Quando uma menina advinha quem é o amante de sua mãe, não deve, sob nenhum pretexto, ir correndo dizer ao papai.



- Não revele nunca ao amante de sua mãe que uma menina se masturba por ele, principalmente se essa menina for você.



- Se o amante chega mais cedo e a senhora sua mãe lhe pede para recebê-lo, faça-o ficar de pau duro, mas não o chupe.



- Não se deve de forma alguma, na hora em que sua mãe chega de um encontro, perguntar-lhe se foi bom, quantas vezes ele fez, se ele não broxou etc. Essas questões não merecem nenhum comentário.



- Também está proibido chamar de lado o amante predileto para lhe perguntar: “Você gozou dentro? Ela é bem sem-vergonha? Ela o chupa gentilmente? Ela engola a sua porra? Ela se deixa enrabar?” etc. Nem para dizer, principalmente: “Papai fodeu mamãe na última noite. Foi a empregada quem me contou”. Essa informação não será recebida com satisfação.



-Se você ficou sabendo que sua mãe espera o amante em sua própria casa, não se esconda sob a cama, principalmente para sair gritando: “Buuu! Sou eu!” durante uma esporrada na boca. Você seria capaz de fazê-la engasgar. Também não escolha de forma alguma esse instante para entrar de repente no quarto, gritando: “Papai chegou!”, quando você sabe muito bem que o senhor seu pai viajou.



- Se o senhor seu pai se ausentou por seis meses ou um ano, não se arrisque, num dia de adultério, a esconder o clister de sua mãe, de tal sorte que ela o perceba muito tarde. As mais graves consequências poderiam se seguir, e a brincadeira não será apreciada.



- Se você descobrir que é filha do amante e não do marido, não chame esse senhor de “papai” diante de vinte e cinco pessoas. É ao marido de sua mãe que você deve chamar de papai. E mesmo que você tenha certeza de não lhe ser unida pelos laços do sangue, não lhe diga na orelha: “Eu posso chupá-lo, você não é meu pai!” O final da frase destruirá tudo aquilo que as primeiras palavras tinham de verdadeiramente amável.



- Se chega uma visita enquanto sua mãe faz amor e lhe encarregaram de responder: “Mamãe está doente”, não dê detalhes de sua doença. Se lhe perguntarem o que ela tem, não responda: “Um pau no cu”.









sábado, 29 de agosto de 2009

MANUAL DE BOAS MANEIRAS... - DEVERES PARA COM DEUS





Devoirs envers Dieu





- Tous les soirs, avant de vous branler, faites votre prière à genoux.



- Admirez la bonté de Dieu qui donne à chaque petite fille un con pour y plonger toutes les pines du monde, et qui, pour varier vos plaisirs, vous permet de remplacer la pine par la langue, la langue par le doigt, le con par le cul, et le cul par la bouche.



- Remerciez-le d’avoir créé les carottes pour les petites filles, les bananes pour les jouvencelles, les aubergines pour les jeunes mères, et les betteraves pour les dames mûres.



- Bénissez-le d’avoir mis en vous le désir de décharger et créé mille moyens pour en arriver là.



- Si vous désirez un amant, demandez-le-lui, il vous le donnera. Si c’est une gougnotte qu’il vous faut, dites-le-lui sans fausse honte. Dieu lit dans votre cœur. Vous ne sauriez le tromper.



Ne priez pas quand vous êtes toute nue. Mettez une chemise de nuit, ne la relevez ni pardevant ni par-derrière devant les personnes présentes. Si vous portez un godemiché en érection sur votre motte, retirez-le. De même si vous l’avez dans le cul.



- Pendant que vous priez à genoux, si quelqu’un profite de cette position pour essayer de vous enculer, ne vous prêtez pas à cette inconvenance.



- Avant d’aller communier, si vous sucez quelqu’un n’avalez pas le foutre, vous ne seriez plus à jeun. Mais vous pouvez en boire le vendredi. Le foutre, pas plus que le lait, n’est considéré comme un aliment gras.



- Quelques jeunes filles trop surveillées achètent une sainte vierge en ivoire poli et s’en servent comme d’un godemiché. C’est un usage condamné par l’église. Par contre, vous pouvez vous servir d’un cierge à cet effet, pourvu que le cierge ne soit pas béni.








Deveres para com deus



- Todas as noites, antes de se masturbar, ajoelhe-se e faça suas orações..



- Admire a bondade de deus que dá a cada menina uma boceta para ali enfiar todos os paus do mundo, e que, para variar seus prazeres, lhe permite trocar o pau pela língua, a língua pelo dedo, a boceta pelo cu, e o cu pela boca.



- Agradeça-lhe ter criado as cenouras para as meninas, as bananas para as mocinhas, as berinjelas para as jovens mães e as beterrabas para as senhoras maduras.



- Dê-lhe graças por ter colocado em você o desejo de gozar e criar mil maneiras de atingir o orgasmo.



- Se você deseja um amante, peça-lhe e ele lho dará. Se é de uma lésbica que você precisa, diga-lhe sem falsa vergonha. Deus lê em seu coração. Você não saberia enganá-lo.



- Não reze quando estiver totalmente nua. Coloque uma camisola e não a levante nem pela frente nem pelas costas diante das pessoas presentes. Se você estiver com um consolo duro em seu ventre, retire-o. Retire-o também se o tiver no cu.



- Enquanto você estiver rezando ajoelhada, se alguém se aproveitar dessa posição para tentar enrabá-la, não se preste a essa impertinência.



- Antes de comungar, se você chupou alguém, não engula a porra, você não estaria mais em jejum. Mas você pode bebê-la na quinta-feira. A porra, tanto quanto o leite, não é considerada um alimento sujo.



-Algumas meninas muito vigiadas compram uma virgem santa de marfim polido e usam-na como consolo. É um costume condenado pela igreja. Em compensação, você pode servir-se de uma vela para esse fim, desde que não seja uma vela benta.








sexta-feira, 28 de agosto de 2009

MANUAL DE BOAS MANEIRAS - DEVERES PARA COM SUA IRMÃ





Devoirs envers votre sœur





- Les jours où mademoiselle votre sœur ne voit ni son amant ni sa tribade, mettez-lui poliment la main sous les jupes et demandez-lui si elle veut bien se contenter de vous. Si elle vous répond qu’elle aime mieux se branler toute seule, retirez-vous discrètement.



- Quand mademoiselle votre sœur est en train de pissez, ne lui retirez pas le pot pour la faire pisser par terre ; ce serait une farce de mauvais goût.



- Lorsqu’elle est à genoux dans sa chemise de nuit et dit ses prières du soir, ne lui fourrez la langue dans le cul que si elle en exprime le désir.



- Si vous trouvez un monsieur tout nu dans le lit de mademoiselle votre sœur, n’allez pas le dire tout bas à monsieur votre père. La visite n’est pas pour lui.



- Si mademoiselle votre sœur a des poils sur la motte avant que vous n’en ayez vous-même, ne les lui arrachez pas sous prétexte que c’est injuste.



- Quand mademoiselle votre sœur part pour le bal, n’écrivez pas derrière sa robe blanche : «Enculez-moi, messieurs, S.V.P.» Abstenez-vous de toute instruction de ce genre.



- Pendant ces fiançailles, ne dites pas à votre futur beau-frère qu’elle a beaucoup de talent pour sucer la queue. Quoiqu’il doive profiter de ce talent intime, le fiancé ne l’apprendrait pas sans quelque mouvement d'humeur.



- Si l’on vous demande ce que fait votre sœur dans sa chambre, ne répondez pas qu’elle se branle, même si vous êtes sûre de ce que vous dites.



- Ne racontez à personne que demoiselle votre sœur met son traversin entre ses cuisses, se frotte contre lui et l’appelle Gaston.



- Si mademoiselle votre sœur se sert plusieurs fois de suite de votre godemiché sans vouloir vous le rendre, n’allez pas vous plaindre à vos parents. Ne comptez pas non plus sur leur esprit de justice, les jours où elle refuse de vous faire minette. Dans les deux cas, vous seriez fouettée.



- Ne vous moquez pas de mademoiselle votre sœur, si elle ne veut pas se faire enculer. Une jeune fille du monde est absolument libre de ne donner qu’un trou à ses amoureux.



- Quand votre grande sœur en chemise est à genoux sur le prie-Dieu, ne lui faîtes pas minette, cela lui donnerait des distractions.









Deveres para com sua irmã



- Nos dias em que a senhorita sua irmã não encontrou nem seu amante nem sua namorada, coloque polidamente a mão sob a saia e pergunte-lhe se ela gostaria de se contentar com você. Se ela lhe responder que prefere se masturbar sozinha, retire-se discretamente.



- Quando a senhorita sua irmã estiver prestes a mijar, não lhe retire o urinol para fazê-la mijar no chão; isso será uma brincadeira de mau gosto.



- Quando ela, já de camisola, estiver de joelhos e fazendo as orações da noite, não lhe enfie a língua no cu sem que ela lhe exprima esse desejo.



- Se você encontrar um senhor totalmente nu no leito da senhorita sua irmã, não vá contar isso baixinho ao senhor seu pai. A visita não é para ele.



- Se a senhorita sua irmã tiver pentelhos no ventre antes que você mesma os tenha, não vá arrancar os dela sob o pretexto de que isso é injusto.



-Quando a senhorita sua irmã sair para ir ao baile, não escreva atrás de sua roupa branca: "Enrabem-me, por favor”. Abstenha-se de toda instrução desse tipo.



- No noivado dela, não diga ao seu futuro cunhado que ela tem muito talento para chupar um pau. Embora ele deva aproveitar-se desse talento íntimo, o noivo não o revelaria sem algum descontentamento.



- Se lhe perguntarem o que faz sua irmã no quarto, não responda que ela está se masturbando, mesmo que você tenha certeza do que está falando.



- Não conte a ninguém que a senhorita sua irmã mete o travesseiro entre as

coxas, esfrega-se nele e chama-o de Gastão.


- Se a senhorita sua irmã se serve muitas vezes seguidas de seu consolo, sem querer devolvê-lo a você, não vá se queixar a seus pais. Não inclua, para despertar-lhes o senso de justiça, os dias em que ela se recusa a chupar-lhe a boceta. Em ambos os casos, você será castigada.



- Não zombe da senhorita sua irmã, se ela não quer fazer-se enrabar. Uma menina de sociedade é absolutamente livre de não dar mais que um buraco a seus namorados.



- Quando sua irmã mais velha, já de camisola, estiver ajoelhada no genuflexório, não lhe chupe a boceta, que isso a distrairá.









quinta-feira, 27 de agosto de 2009

MANUAL DE BOAS MANEIRAS... - DEVERES PARA COM SEU IRMÃO




Devoirs envers votre frère




- Rien n’est plus vilain qu’une petite fille qui regarde bander son frère et ne fait rien pour le soulager.



- Branlez votre frère dans son lit; mais pas dans le vôtre. Cela vous compromettrait.



- Quand vous venez de sucer votre frère, ne crachez pas le foutre à la figure de votre

institutrice. Si elle allait se plaindre, cela ferait des histoires.


- La plupart des petites sœurs se font dépuceler par leur frère, ce qui offre moins

d’inconvénients que l’intervention d’un étranger.


- Si votre frère vous monte dessus à 3 h du matin et vous plante gentiment sa pine dans le cul, ne lui répondez pas que vous avez sommeil.









Deveres para com seu irmão



- Nada é mais desprezível que uma menina que vê seu irmão ficar de pau duro e não faz nada para aliviá-lo.



-Masturbe o seu irmão na cama dele, nunca na sua. Isso a comprometeria.



- Quando você acabar de chupar seu irmão, não joge a porra no rosto de sua preceptora. Se ela for se queixar, será muito embaraçoso.



- A maior parte das irmãzinhas se faz desvirginar por seu irmão, o que oferece menos risco que a intervenção de um estranho.



-Se seu irmão monta em você às três da manhã e enfia gentilmente o pau em seu rabo, não proteste que você está com sono.









quarta-feira, 26 de agosto de 2009

MANUAL DE BOAS MANEIRAS - DEVERES PARA COM SUA MÃE




Devoirs envers votre mère


- N’appelez jamais votre mère : «Vieille vache ! Rouchie de pissotière ! Gougnotte à putains ! Foireuse de foutre ! Vérole ambulante ! Etc.» Ce sont là des expressions qu’il faut laisser au vulgaire.



- Ne lui dites jamais non plus : « Je t’emmerde ! Va te faire enculer ! Je te chie à la gueule ! » Et surtout ne lui dites pas : « tu me sors du cul ! » puisque c’est vous au contraire qui sortez du sien.



- Le soir, quand madame votre mère vient vous border dans votre lit, attendez pour vous branler qu’elle ait quitté la chambre.



- Si madame votre mère vous demande qui vous aimez mieux embrasser, ne répondez pas : «C’est le cul de la bonne. »



- Quand vous allez chez celui de vos amants qui a l’habitude de vous enculer, ne vous fardez pas le trou du cul dans le cabinet de toilette de madame votre mère, avec le bâton de rouge qui lui sert pour les lèvres.



- Ne ceignez pas un godemiché pour enfiler madame votre mère avant qu’elle ne vous en prie.



- N’offrez pas votre maman de jouer un rôle, si petit qu’il soit, dans ses voluptés conjugales. Attendez qu’elle vous le propose.









Deveres para com sua mãe




- Não chame jamais sua mãe de: “Vaca velha! Meretriz de mictório! Chupadora

de putas! Depósito de porra! Sifilítica
ambulante! Etc.” Essas são expressões que devem ser deixadas para o zé-povinho.


- Não lhe diga jamais: “Você me enche o saco! Vá tomar no cu! Estou com você pelos tampos!” E, principalmente, não lhe diga: "Você me saiu do rabo!" pois, ao contrário, foi você quem saiu do dela.



- À noite, quando a senhora sua mãe vier ajeitar suas cobertas na cama, espere para se masturbar quando ela tiver deixado o quarto.



- Se a senhora sua mãe pergunta a quem você gosta mais de beijar, não responda: "O cu da empregada."



- Quando você for à casa de um dos seus amantes que tem o hábito de enrabá-la, não maquie o buraco do cu no banheiro da senhora sua mãe, com o batom que ela usa para os lábios.



- Não empunhe um consolo para foder a senhora sua mãe antes que ela o peça.



- Não peça à sua mãe para mostrar, nem que seja um pouquinho, como são seus prazeres conjugais. Espere que ela lhe proponha.









terça-feira, 25 de agosto de 2009

MANUAL DE BOAS MANEIRAS... - DEVERES PARA COM SEU PAI





Devoirs entre votre père


- Si monsieur votre père vous dit d’une voix furieuse : «Tu n’es plus ma fille ! » ne lui répondez pas en rigolant : «Il y a longtemps que je le savais !»



- Quand monsieur votre père se présente dans la société qui vous entoure, ne dites pas : «Voilà le cocu !» ou, si vous le dites, dites-le tout bas.



- Si vous buvez un verre de bière dans le billard de votre papa, vous ferez mal ; et si vous pissez dedans pour qu’on ne s’en aperçoive pas, vous ne ferez qu’aggravez votre faute.



- Si vous vous asseyez sur la cuisse gauche de monsieur votre père, ne vous frottez le cul sur sa pine pour le faire bander, à moins que vous ne soyez seule avec lui.



- Si monsieur votre père vous prie de le sucer, ne dites pas étourdiment que sa pine sent le con de la bonne. Il pourrait se demander d’où vient que vous reconnaissez cette odeur-là.



- Si monsieur votre père vous conduit au bordel pour vous faire gougnotter par des putains habiles, ne donnez pas votre adresse à toutes ces demoiselles pour échanger avec elles des cartes postales.

Une petite fille du monde ne doit aller au bordel que dans le plus strict incognito.


- Si vous êtes en train de vous branler quand votre père entre dans votre chambre, arrêtez vous : c’est plus convenable.



- Si monsieur votre père daigne éjaculer quelquefois dans votre petite bouche, acceptez cela les yeux baissés, et comme un grand honneur dont vous n’êtes pas digne. Surtout n’allez pas ensuite vous en vanter comme une sotte à l’oreille de votre maman.








Deveres para com seu pai




- Se o senhor seu pai lhe diz furioso: “Você não é mais minha filha!”, não lhe responda, gracejando: “Há muito tempo que eu sei disso!”



- Quando o senhor seu pai se encontrar com sua turma de amigos, não diga: “Eis o cornudo!”, ou, se você o disser, faça-o bem baixinho.



- Se você beber um copo de cerveja no salão de jogos de seu pai, você estará agindo mal; e se mijar dentro da garrafa para que não se perceba o que você fez, estará agravando sua falta.



-Se você se sentar sobre a coxa esquerda do senhor seu pai, não roce a bunda no pau dele para fazê-lo ficar duro, a não ser que esteja sozinha com ele.



-Se o senhor seu pai lhe pedir para chupá-lo, não diga levianamente que seu pau cheira à boceta da empregada. Ele poderia perguntar-se de onde você reconhece esse cheiro.



-Se o senhor seu pai a levar ao bordel para que você seja chupada por putas habilidosas, não dê seu endereço a todas essas senhoritas para trocar cartões postais com elas. Uma menina de sociedade não deve ir ao bordel a não ser no absoluto sigilo.



- Se seu pai entra em seu quarto no momento em que você está começando a se masturbar, pare imediatamente: é o mais recomendável.



- Se o senhor seu pai se dignar a gozar algumas vezes em sua boquinha, aceite isso com os olhos baixos, e como uma grande honra da qual você não é digna. Principalmente, não vá logo depois contar vantagem, como uma tola, na orelha de sua mãe.








segunda-feira, 24 de agosto de 2009

MANUAL DE BOAS MANEIRAS... - DEVERES PARA COM O PRÓXIMO




Devoirs envers le prochain




- Pénétrez-vous de cette vérité que toutes les personnes présentes, quels que soient leur sexe et leur âge, ont la secrète envie de se faire sucer par vous, mais que la plupart n’oseront pas l’exprimer.



- Respectez donc d’abord l’hypocrisie humaine que l’on appelle aussi vertu, et ne dites jamais à un monsieur devant quinze personnes :«Montre-moi ta pine, tu verras ma fente.» Il ne vous montrerait certainement pas sa pine.



- Si au contraire vous vous arrangez pour être toute seule avec lui, dans un lieu où il soit certain de n’être surpris par personne, non seulement il vous montrera sa pine, mais il ne s’opposera pas à ce que vous la suciez. La plupart des conseils qui suivent dérivent des principes précédents.







Deveres para com o próximo



-Compenetre-se da seguinte verdade: todas as pessoas presentes, qualquer que seja o sexo e idade, têm o secreto desejo de fazer-se chupar por você, mas a maioria não ousará exprimi-lo.



- Respeite, então, em primeiro lugar, a hipocrisia humana que também se chama virtude, e não diga jamais a um cavalheiro, diante de quinze pessoas:

“Mostre-me o pau, que lhe mostrarei a boceta.” Com certeza ele não lhe mostrará o pau.


- Se, ao contrário, você combinou estar sozinha com ele, num lugar onde ele saiba com certeza não poder ser surpreendido por ninguém, não somente lhe mostrará o pau, como não se oporá a que você o chupe. A maior parte dos conselhos que se seguem deriva dos princípios anteriores.











domingo, 23 de agosto de 2009

MANUAL DE BOAS MANEIRAS... - NO CAMPO




À la campagne



- Ne faites pas annoncer par le tambour de la commune(21) que vous avez perdu votre pucelage. L’homme qui l’a trouvé ne vous le rendra pas.



- Rencontrée dans un lieu désert par un chemineau qui vous empoigne, laissez-vous baiser tout de suite. C’est le plus sûr moyen de ne pas être violée.



- Ne branlez pas sept ou huit petits paysans dans un verre pour boire le foutre avec du sucre. Cela vous donnerait mauvaise réputation dans le pays.



- Devant le jardinier qui arrose la terre pour y faire pousser le gazon, ne vous arrosez pas la motte pour y faire pousser des poils. Il rirait de votre naïveté.







No campo



-Não faça anunciar pelo pregoeiro da vila que você perdeu a virgindade. O homem que a encontrou não a devolverá.



- Ao encontrar-se em um lugar deserto com um vagabundo que a agarra, deixe-se foder imediatamente. É o meio mais seguro de não ser volentada.



-Não masturbe sete ou oito jovens camponeses num copo para beber a porra com açúcar. Isso lhe daria péssima reputação na aldeia.



- Diante do jardineiro que molha a terra para arrancar o mato, não molhe o seu montículo para lhe arrancar os pentelhos. Ele rirá de sua ingenuidade.







(21) TAMBOUR, subst. masc. b) 1843 tambour de la ville « garde champêtre qui fait des annonces au son du tambour » (BALZAC, Illus. perdues, p. 9); 1853 tambour de ville (CHAMPFL., Souffr. profess. Delteil, p. 115).


Fonte: Trésor de la Langue Française informatisé: http://www.lexilogos.com/francais_langue_dictionnaires.htm.






sábado, 22 de agosto de 2009

MANUAL DE BOAS MANEIRAS... - NA PRAIA




À la mer



- En passant auprès d’un monsieur qui se baigne, ne l’empoignez pas par les couilles, quelques facilités qu’offre son costume à vos attouchements.



- Ne vous branlez pas en faisant la planche, ça se verrait.



- Au bain, ne demandez pas aux personnes présentes la permission de faire pipi. Faites-le sans autorisation.



- Autant que possible, ne vous enfermez pas avec un monsieur dans votre cabine de bain. Entrez-y plutôt avec une jeune fille, qui vous fera minette aussi bien, si ce n’est mieux, et ne vous compromettra pas.



- Si vous écrivez des obscénités sur les cloisons de votre cabine, ne les signez pas du nom de la dame qui vous a précédée.



- Quand par un interstice des planches, vous apercevez dans la cabine voisine une dame qui se croit seule et qui se branle, ne frappez pas à la cloison en lui demandant «si ça va venir». Au lieu de l’encourager, vous la troubleriez.



- Si un monsieur vous demande pourquoi vous ne prenez pas de bain, ne répondez pas : «J’ai mes règles. »








Na praia


- Ao passar perto de um cavalheiro que se banha, não o segure pelos colhões, por mais facildades lhe ofereça o maiô dele aos seus toques.



- Não se masturbe quando estiver flutuando, isso será visível.



- No banho, não peça às pessoas presentes permissão para fazer xixi. Faça-o sem autorização.



- Na medida do possível, não se tranque com um cavalheiro dentro de sua cabina de banho. Entre sempre com uma menina, que a chupará tão bem ou até melhor sem comprometê-la..



- Se você escrever obscenidades na divisória de sua cabina, não assine o nome da senhora que entrou antes de você.



- Quando, por uma fresta da madeira, você observar na cabina vizinha uma senhora que acredita estar sozinha e se masturba, não bata na divisória, incentivando-a: “é isso! vai!”. Em vez de a encorajar, você a perturbará.



- Se um cavalheiro lhe pergunta por que você não toma seu banho, não responda: “estou nas minhas regras”.








sexta-feira, 21 de agosto de 2009

MANUAL DE BOAS MANEIRAS... - NO HOTEL, EM VIAGEM




À l’hôtel, en voyage



- Ne sonnez le maître d’hôtel à 11 h du soir pour lui demander une banane. À cette heure là, demandez une bougie.



- Ne demandez pas à la directrice si la bonne sait faire minette. Interrogez-la elle-même.



- Ne vous mettez pas à la fenêtre pour appeler les passants, même si vous avez grande envie de baiser, et personne pour vous satisfaire.



- Vous pouvez regarder par le trou de la serrure pour savoir pourquoi votre maman s’enferme toute la journée avec un jeune homme que vous ne connaissez pas, mais gardez-vous de lui criez : «Hardi maman ! Ça vient, ça vient!» Au lieu de l’exciter vous apporteriez un trouble regrettable à

ses occupations.


- Si par le même subterfuge vous surprenez dans une chambre un touriste s’amusant avec une bonne de l’hôtel, il est inutile de le crier dans l’escalier pour avertir la directrice qui, certainement, ne s’en soucie pas.








No hotel, em viagem



-Não chame o mordomo às onze horas da noite para pedir-lhe uma banana. A essa hora peça-lhe uma vela.



- Não pergunte à direção se a empregada sabe chupar uma boceta. Pergunte a ela mesma.



-Não se ponha à janela para chamar os transeuntes, mesmo que você esteja com muita vontade de trepar, e não há ninguém para satisfazê-la.



- Você pode olhar pelo buraco da fechadura para saber por que sua mamãe se tranca todo dia com um rapaz que você não conhece, mas evite gritar: “Força, mamãe! Você consegue, você consegue!”. Em vez de excitá-los, você levará uma confusão lamentável a suas atividades.




- Se, pelo mesmo artifício, você surpreender dentro de um quarto um turista se divertindo com uma empregada do hotel, é inútil ficar gritando na escada para avisar a direção que, certamente, não está preocupada com isso.